Filosofia Shumei

“Gratidão gera gratidão, assim como descontentamento gera descontentamento.”
— Meishusama

Shumei, uma organização espiritual, promove a saúde, felicidade e harmonia para todos, aplicando a sabedoria e as ideias do líder espiritual, Mokichi Okada, a quem seus membros se referem como “Meishusama”.

Meishusama ensinou que um mundo livre de doenças, de pobreza e de discórdia está ao alcance de todos através da cura espiritual do Jyorei, da prática da Agricultura Natural e da apreciação da Arte e da Beleza.

A abordagem inclusiva da Shumei trabalha com qualquer religião que busque o bem-estar universal. Os membros e amigos da Shumei são de diversas origens, e muitos mantêm e aprofundam suas diversas crenças e práticas religiosas após se juntarem a nós.

Quem foi Meishusama?

“Foi através da enfermidade que conheci a felicidade de ser escolhido servo de Deus.”
— Meishusama

Nascido em Tóquio, no Japão, em 1882, Meishusama passou a maior parte de sua juventude sofrendo com a pobreza e com várias doenças. Aos 37 anos, Meishusama começou a buscar o significado espiritual da vida e se juntou ao grupo religioso Oomoto. Ali os eventos milagrosos se seguiam um após o outro. Em 1934, ele começou sua própria organização, chamada Sociedade Kannon do Japão. Ele acreditava que Kannon, a divindade da compaixão, estava lhe orientando e capacitando.

Citação

Meishusama continuou a desenvolver seu método de cura espiritual, eventualmente chamando-a de Jyorei, que significa “purificação do espírito”. Após o fim da Segunda Guerra Mundial, Meishusama se concentrou em criar os principais santuários da organização. Ele sentiu que a sociedade poderia ser transformada através do poder da beleza. Analisando o motivo de sua felicidade, ele afirmou vir da sua vontade de “que todos sejam pacíficos, felizes e afortunados”. O poder da compaixão e gratidão de Meishusama transformou a vida de muitos e semeou sementes para a futura melhoria do mundo.

A vida física de Meishusama terminou em 1955, quando ele tinha 72 anos.


About the Founder

“It was through illness that I was privileged to become God’s Student.” 
—Meishusama

Meishusama continued to develop his spiritual healing method, eventually calling it Jyorei, which means “purification of the spirit.” After the end of World War II, Meishusama concentrated on creating the organization’s main sanctuaries. He felt that society could be transformed through the power of beauty. Analyzing the reason for his happiness, he stated that it came from “wanting everyone to be peaceful, happy, and fortunate.” The power of Meishusama’s compassion and gratitude transformed the lives of many and sowed seeds for the future betterment of the world. Meishusama’s physical life ended in 1955 at the age of 72.